Os alunos do integral I e II do Colégio Michel confeccionaram nas aulas de arte com o auxílio do professor Luan Aléssio adesivos conhecidos na arte urbana como stikers. O material utilizado foi papel adesivo colorido em rolo.

“Os stickers são aqueles adesivos facilmente encontrados nas ruas de grandes cidades e fazem parte da cultura underground. Eles podem ser autocolantes impressos em vinil ou em formato lambe-lambe, quando é necessário aplicar com uma espécie de cola caseira. Populares na cultura de rua, este tipo de intervenção é considerada uma modalidade da arte urbana, ao lado de outras manifestações como grafite e estêncil, por exemplo. Essa cultura alternativa teve início nos anos 1990 nos EUA, e no Brasil surge inicialmente como forma de decoração em lojas e centros comerciais.

Um dos precursores dos stickers como arte e manifestação é Shepard Fairey. O artista, que nasceu na Carolina do Sul, nos Estados Unidos, começou na arte de rua na década de 80, quando fazia artes para skateboards e camisetas.

Responda