Colégio Michel reinaugurou dia 1 de agosto a Biblioteca Irmã Assunta entregando aos alunos um ambiente bonito e muito mais funcional. Apenas o piso do local foi mantido, já que o mesmo faz parte da história do colégio desde a sua fundação. A reforma foi conduzida pela arquiteta Ludimilla Salvaro Dias que reestruturou o espaço de acordo com as necessidades e conforto dos estudantes. Além de locais para pesquisa nos computadores, há salas para estudos em grupos e bancadas individuais. O lugar da contação de histórias também foi ampliado e ganhou uma decoração lúdica própria para desenvolver a imaginação e estimular a leitura nos menores, com estantes só de livros infantis e infanto-juvenis.  Outra preocupação foi a acessibilidade aos portadores de necessidades especiais.

A inauguração aconteceu nos dois períodos com a presença dos líderes de classe e ajudantes do dia, representando os estudantes. Após, todas as turmas realizaram a visita oficial. À tarde teve contação de histórias com o professor Leonardo Farias.

Irmã Assunta foi lembrada durante os eventos com carinho e respeito.  A biblioteca recebeu o nome em homenagem a esta pequena Irmã da Divina Providência, professora dos 3ºs anos durante muito tempo na Instituição. Alguns profissionais do Colégio e pais foram seus alunos ou recordam dela que faleceu em 13 de novembro de 2004, aos 87 anos.

A responsável pelo local é a bibliotecária Stefane Dalmagro. A Associação de Pais e Mestres – APAM, que tradicionalmente faz doação de livros, entregou vários exemplares de obras solicitadas pelos professores para fichas de leitura.

Responda